Artigo

O mistério do casamento

Nunca esquecerei o dia em que peguei a mão da minha esposa e prometi amá-la e respeitá-la pelo resto da vida. Eu fui sincero no que disse. Contudo, certamente não compreendia todas as implicações desse compromisso, e ainda não compreendo completamente esse maravilhoso relacionamento que nós tanto apreciamos. Deus criou a relação do casamento entre um homem e uma mulher para ser um mistério cheio de maravilhas. Ele nos fez diferentes para completarmos um ao outro. O casamento é a mais profunda de todas as relações humanas porque demonstra laços íntimos com Deus. É cheio de amor até a morte e necessita de muita graça, em momentos de dor. A humildade é essencial e cria uma via de comunicação, sobre a qual o perdão se move frequentemente. O apóstolo Paulo escreveu sobre esse vínculo único, em Efésios 5.31 e 32: “Por isso o homem deixará pai e mãe e se unirá a sua mulher, e os dois serão uma só carne. Grande é esse mistério. Digo-o, porém, a respeito de Cristo e da igreja”. No casamento, a relação entre um homem e uma mulher cria uma imagem da incrível unidade entre Jesus e seu povo. Quando penso no quanto Deus me ama e na sua grande compaixão por mim antes de conhecê-lo, surpreendo-me. Que mistério! Um mistério indica que há muitas coisas que não sabemos. Há muito para aprender sobre esse mistério cheio de bênçãos. No entanto, há uma coisa certa, e a Bíblia é muito clara sobre isso. Imediatamente depois de descrever a relação entre marido e mulher, o apóstolo Paulo escreveu: “Entretanto, também cada um de vós ame sua mulher como a si mesmo, e a mulher respeite o marido”. (Efésios 5.33). Amor e respeito são os dois ingredientes que produzem unidade nessa união misteriosa. Oremos para que haja mais amor e respeito nos casamentos em nossa família, igreja e cidade. Crianças em oração – Você já parou para pensar como Deus é bondoso? Ele preparou pessoas para viverem ao nosso lado; não nos criou para vivermos sozinhos. Quando criou Adão e Eva, foi para que eles se multiplicassem e enchessem a terra com pessoas. Adão e Eva tinham um relacionamento perfeito com Deus; Ele queria que este mundo estivesse cheio de pessoas que o amassem e também amassem os outros. Mas sabemos que Adão e Eva desobedeceram a Deus e se distanciaram dele. Pensavam que sabiam o que era melhor para eles. O resultado foi: inveja, raiva, briga, morte, mentira e tantas outras coisas tristes. Tudo isso aconteceu dentro da família. Quando o coração deles se afastou de Deus, tudo ficou diferente. Foi por isso que Deus enviou Jesus: para consertar as coisas que as pessoas estragaram por conta do pecado. Neste mês vamos falar sobre família e sobre como podemos viver melhor perto das pessoas que Deus colocou na nossa vida. A família pode, sim, ser o lugar do afeto, de amor uns pelos outros e de todos para com Deus. Somente com Jesus poderemos viver da forma como Deus planejou desde o início. Ore, hoje, agradecendo a Deus por sua família. Talvez ela não seja perfeita. Mas ore pedindo a Deus que encha o coração de cada um que faz parte dela com o amor que vem dele; assim, sua família viverá de maneira melhor a cada dia.

Imagem